segunda-feira, 20 de julho de 2015

[Resenha]: A Playlist de Hayden - Michelle Falkoff

Olá leitores, hoje o livro resenhado é A Playlist de Hayden  da mais nova autora Michelle Falkoff.

Confira:




Editora: Novo Conceito.
Ano de lançamento2015
Numero de páginas: 288
Minha Avaliação: ♥ ♥ ♥  



Sinopse:
A playlist de Hayden - Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente.
Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.


Sam e Hayden são amigos desde a infância e o que os uniu foram coisas em comum, como por exemplo os dois seres geeks que não se encaixavam nos grupinhas da escola; e por isso sempre sofreram com o Bullying. 

Logo no inicio do livro Sam encontra seu melhor amigo morto em sua cama, ao lado da cama de Hayden, sam encontra Uma garrafa de vodca e um frasco de remédio vazios, um pen drive e um bilhete:

Hayden se matou e deixou um Pen drive com uma playlist para que Sam possa entender seus motivos para uma atitude tão radical. Cada capitulo possui uma musica dessa playlist.


Agara vamos acompanhar Sam desvendar esse mistério e sua vida depois dessa terrível perda, e ver ele consegue superar a morte de seu melhor e único amigo.

O que dizer desse livro? Primeiro por que ele aborda assuntos fortes e emocionantes, segundo que eu fiquei a todo momento com o coração apertado e confesso que quase chorei.

Confesso que no inicio eu tentei ouvir a musica que dava nome ao capitulo enquanto eu lia, mas desisti no meio do livro, pois as músicas não eram o meu estilo, amo pop e a maioria das musicas eram rock ou muito tristes. Mesmo assim no meio de cada capitulo Sam explicava a musica e o porque dela.


Gostei bastante da narrativa, com um tom leve mesmo os assuntos tratados como Bullying e suicídio serem bem pesados, a autora soube abordar muito bem esses temas e como eles afetam as vidas dos jovens. Ele nós faz pensar em nossas atitudes e principalmente aceitar as diferenças, o livro também aborda a solidão, como a vida pode ser solitária quando você não se encaixa.


Amei a capa e a diagramação está realmente muito caprichada, não encontrei erros ao longo da leitura. Os personagens foram muito bens construídos, com passado e sentimentos bem complexos. Por exemplo Sam se sente a todo momento culpado pelo que aconteceu com seu amigo e ao longo da narrativa vemos a evolução dele em relação a esse sentimento.


Tenho que confessar que esperava mais do final, achei ele bem fraco e muito lacunoso, porém o livro como um todo é muito bom, tem um toque de mistério,romance e até comedia. Dessa forma o que me agradou mais foi acompanhar Sam em sua busca para entender o porque de seu amigo ter cometido suicídio e amadurecer.

Recomendo o livro a todos que amam um suspense leve, e ao mesmo tempo que aborda temas pesados.