sexta-feira, 20 de março de 2015

[Primeiras Impressões]: A Playlist de Hayden - Editora Novo Conceito

Olá leitores, recebi da Novo Conceito a prova do livro A Playlist de Hayden  que será lançado dia 6 de abril. A prova tem os 8 primeiros capítulos, então  vou contar para vocês o que eu achei desse poucos capítulos.
Confira:


Sinopse:
A playlist de Hayden - Depois da morte de seu amigo, Sam parece um fantasma vagando pelos corredores da escola o que não é muito diferente de antes. Ele sabe que tem que aceitar o que Hayden fez, mas se culpa pelo que aconteceu e não consegue mudar o que sente.
Enquanto ouve música por música da lista deixada por Hayden, Sam tenta descobrir o que exatamente aconteceu naquela noite. E, quanto mais ele ouve e reflete sobre o passado, mais segredos descobre sobre seu amigo e sobre a vida que ele levava.

Como começar essa mini resenha, eu não sei. Primeiro por que esse livro vai ser super forte e emocionante, Segundo que eu já fiquei com o coração muito apertado e quase chorei, ou seja imagina quando eu ler o livro na integra, vou chorar litros.

Sam e Hayden são amigos desde a infância e o que os uniu foram coisas em comum, como por exemplo os dois seres geeks que não se encaixavam nos grupinhas da escola; e por isso sempre sofreram com o Bullying. 

Logo no inicio do livro Sam encontra seu melhor amigo morto em sua cama, ao lado da cama de Hayden, sam encontra Uma garrafa de vodca e um frasco de remédio vazios, um pen drive e um bilhete:


Hayden se matou e deixou um Pen drive com uma playlist para que Sam possa entender seus motivos para uma atitude tão radical. Cada capitulo possui uma musica  dessa playlist, confesso que o gosto musical de Hayden é totalmente o oposto do meu e muito depressivo. Eu li cada capitulo ouvindo a sua respectiva musica e meu Deus fiquei na fossa depois disso. 



Agara vamos acompanhar Sam  desvendar esse mistério e sua vida depois dessa terrível perda, e ver ele consegue superar a morte de seu melhor e único amigo.

Eu amei a capa e o nome do livro, pois eu amo ouvir musica, assim quando eu li a sinopse fiquei super intrigada do por que uma playlist no lugar de uma clássica carta de suicídio.
Confesso que não gosto de livros com temas pesados como esse, mas gostei bastante como a autora desenrolou até agora esse tema. È sim um livro para pensarmos em nossas atitudes e principalmente aceitar as diferenças. 
Estou louca para ler o livro inteiro e descobrir o Porque de Hayden.